Post

Médico também mata. Principalmente os comprados pela indústria farmacêutica

«A maioria de nós acredita que pode levar a vida do jeito que for, e que quando sobrevier uma doença podemos recorrer ao médico, na esperança total de um conserto rápido sob a forma da mais recente e sensacional das pílulas.

Esse roteiro estimula uma abordagem voltada para a doença, da parte dos médicos que desempenham o papel de fornecedores de pílulas. Mas essa abordagem possui um defeito trágico por dois motivos. Primeiro, ela foca na doença, e não na saúde. Segundo, os tratamentos propriamente ditos muitas vezes são eivados de consequências danosas»

(A dieta da mente, Perlmutter Dr. David, Fontenelle André).

#nutricao #semgluten

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s